[Chester em Entrevista]

Falta pouco para o lançamento do disco de rock mais aguardado deste ano. Mais precisamente 60.480 minutos entre a zero hora de hoje e a meia-noite de 14 de maio, quando chega às lojas “Minutes to Midnight”, terceiro trabalho da banda americana Linkin Park.
O grupo não soa mais como rap-rock, pelo menos na maioria das faixas do novo disco (o single “de transição” “What I’ve Done”, com lançamento marcado para hoje, “Given Up” e “Bleed It Out” são as exceções).
Mais melódico, o álbum chama a atenção por letras elaboradas e algumas baladas, como “In Between”, sobre traição, e “Valentine’s Day”.
De canções políticas, o destaque é “The Little Things Give You Away”, uma das melhores do CD, sobre o furacão Katrina e a destruição de Nova Orleans.
Em entrevista exclusiva para o Folhateen, em Los Angeles, o vocalista Chester Bennington falou sobre a parceria com o produtor Rick Rubin, sobre as mudanças no som e a passagem pelo Brasil há quase três anos.

[…]

Folha: Já faz quase três anos que vocês estiveram no Brasil. Como foi aquela experiência?
Chester: Incrível. Até hoje ainda é o nosso maior show. A gente fez o Live Aid para 800 mil pessoas, mas todo mundo estava lá para o festival. Não era o nosso show. No Brasil, fiquei chocado quando entrei no palco. Fantástico!

 Fonte: UOL / Walxer

:: Clique aqui e leia a entrevista na íntegra.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: